Pelo número de admiradores • A Bacia das Almas

 

Paulo Brabo, 22 de março de 2015

Pelo número de admiradores

Estocado em Manuscritos

A popularidade dos escritores mais bem sucedidos opera de modo a nos dissociar deles, pela contínua bajulação e estardalhaço que geram, por vermos seus nomes incessantemente repetidos, pelo número de admiradores ignorantes e sem critério que arrastam atrás de si.

William Hazlitt em On the Pleasure of Hating/Sobre as delícias de odiar (1826)

Paulo Brabo @saobrabo

Escrevo livros, faço desenhos e desenho letras. A Bacia das Almas é repositório final de ideias condenadas à reformulação eterna.

Arquivado sob as rubricas

 

<
>

Depositado em juízo por Paulo Brabo · Desde 2004 · Sobre o autor e esta Bacia · Leia um livro · Olhe desenhos · Versões digitais dos manuscritos da Biblioteca do Monastério de São Brabo nas Índias Ocidentais · Fale comigo · A Bacia das Almas é onde as ideias vem para morrer